Skip to content

Rede – Liga Das Águas Baréa

Liga

Liga Das Águas Baréa

Diário de Bordo da Liga

ligadasaguasbarea

Município

Três Cachoeiras

Quantos especialistas sua liga consultou?

ESPECIALISTAS

CONSULTAS

ADESÕES

Professores

3

3

Avó ou avô de uma pessoa da liga

Agricultores/as e produtores/as rurais

Cientistas

1

1

Ativistas e membros de organizações sem fins lucrativos (ONGs)

Comerciantes, empresários, empreendedores locais

1

1

Pajés

Iyalorixás

Lideranças comunitárias

Moradores antigos da microbacia

1

1

Lideranças religiosas

Quais são as principais características da microbacia?

A bacia do rio Tramandaí situa-se na região hidrográfica do litoral, o relevo desta região é composto por planaltos e planícies costeiras.
Abrange os municípios entre torres e Mostardas. Apresenta uma sequência de quase 40 lagoas estando limitada ao sul pela lagoa cerquinha e, ao norte, pela lagoa Itapeva. Da serra geral nascem os principais rios que abastecem a bacia, rios como: o Rio Cardoso, o Rio três forquilhas e o Rio Maquiné.

Qual a importância dela pro seu território?

Os principais usos da água na Microbacia do Rio Tramandaí se destinam a irrigação, abastecimento público, pesca e turismo.
Além da grande importância econômica para os municípios de sua região, ainda proporciona em seus Balneários, ambientes de lazer e prática de esportes.

O que precisa melhorar?

A bacia hidrográfica do rio Tramandaí já apresenta sinais de degradação, embora boa parte da água da região tenha qualidade apropriada para consumo humano.
A falta de saneamento básico, o lixo jogado e o uso intenso de agrotóxicos para a produção de alimentos resulta em efeitos muito negativos para a localidade. Isso se torna mais grave ainda porque, na planície costeira, a água subterrânea está muito próxima da superfície

Vocês descobriram uma história intrigante sobre ela? Conte aqui!

Sim. Umas das pessoas que entrevistamos durante esta missão, foi a Professora aposentada Mariluz. Antiga moradora da Comunidade, ela relatou-nos e mostrou-nos por fotos que o Rio Cardoso, um dos que fazem parte da Bacia, já teve um porto que abastecia a região com mercadorias vindas de várias regiões do Brasil.
Sua mãe, nascida em 1941, relata que naquela época grandes embarcações atracavam neste porto. E que junto ao porto funcionava um grande armazém. O Porto Guerreiro como era chamado, acabou dando nome a uma localidade próxima ao rio.

Algo a mais para compartilhar?

Tivemos ainda nesta missão a colaboração de um grande amigo, pescador e parceiro da Comunidade Educadora. Morador da nossa região, ele contribuiu com muitas informações a cerca das espécies da fauna e flora e das condições da nossa Lagoa Itapeva.