Skip to content

MICROBACIA DA SERRA DA MANTIQUEIRA

Liga

PEDRA DO BAU E SEUS EFLUENTES

Diário de Bordo da Liga

professormaurinho

Município

SÃO BENTO DO SAPUCAÍ

Bairros, Comunidades ou Cidades da Microbacia

A Bacia Hidrográfica da Serra da Mantiqueira possui uma área de aproximadamente 686 Km² e abrange as estâncias climáticas de Campos do Jordão, Santo Antônio do Pinhal e São Bento do Sapucaí. A região abriga importantes cursos d’água e formações que compõem o bioma da mata Atlântica. Segundo conhecedores da língua tupi, Mantiqueira significa “lugar que nascem as águas”, “montanha que chora”, “gota de chuva”, entre outras acepções.

Predominam as atividades dos setores relacionados ao comércio, turismo e lazer, com destaque para o setor hoteleiro e gastronômico, além da truticultura.

Maravilhas da Bacia Hidrográfica

Temos como as maravilhas : a Pedra do Baú e Cachoeiras.

Além de seus cursos d’água que desembocam: Rio Sapucaí-Mirim, Rio da Prata, Ribeirão do Inocêncio, Ribeirão da Cachoeira, Ribeirão Lajeado, Ribeirão dos Melos, Ribeirão do Paiol Velho, Ribeirão do Paiol Grande, Ribeirão dos Bernardos, Rio Sapucaí-Guaçu, Rio Capivari, Ribeirão da Abernéssia, Ribeirão do Imbiri, Ribeirão das Perdizes, Ribeirão do Fojo e Ribeirão dos Marmelos.

Desafios da Bacia Hidrográfica

Na microbacia da Serra da Mantiqueira, os maiores problemas encontrados possui forte relação com a agricultura e poluição de efluentes.
Este impacto reflete na qualidade da água dos corpos hídricos e do solo, provocando grandes erosões e assoreamento devido a aplicação de agrotóxicos e insumos agricultas.
Nos últimos anos a cidade de São Bento do Sapucaí – SP vem desenvolvendo importantes ações para o combate destes impactos.
Algumas das ações como a implantação do sistema de tratamento de esgoto deixando de despejar esgoto em natura na Microbacia hidrográfica, estação de tratamento de água, instalação de fossas sépticas em zonas rurais e preservação das matas ciliares e de nascentes para que ocorra um estimulo na produção de água com um objetivo de tentar contornar a carência de água em lugares críticos.